Pesquisar

Em Destaque

PREFEITURA DE BURITIRAMA DISPONIBILIZA CONTRACHEQUE ONLINE PARA SERVIDORES MUNICIPAIS

A Prefeitura de Buritirama, por meio da Secretaria Municipal de Administração, está reestruturando todo o setor de Recursos Humanos vi...

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS POR E-MAIL

MAIS VISITADAS

segunda-feira, 16 de julho de 2012

MANSIDÃO CHORA POR ROSA AMÉLIA- A “ROSA DO POVO”


Dor, homenagens, tristeza, desespero, esperança e fé, foram alguns ingredientes que tomaram conta da cidade de Mansidão, nesta manhã de segunda-feira (16), durante o funeral da ex-prefeita de Mansidão Professora Rosa Amélia.
Milhares de pessoas comparecerem a este momento que jamais o povo Mansidãoense esquecerá.
Conforme a programação, às 7h o corpo saiu de sua residência indo para o Salão Nobre do Colégio que Rosa fundou (Remígio) onde foi realizada uma Sessão Solene da Câmara de Vereadores conduzido pelo Senhor Presidente Jaériton Rocha Nunes (Kim) em conjunto com a Prefeitura de Mansidão conduzida pelo Prefeito Davi Frank.
A Sessão Solene, contou com presenças de várias lideranças políticas locais, Secretários Municipais e Ex-Secretários Municipais, o Prefeito de Barra Senhor Artur Silva, o Ex-Prefeito de Buritirama Arival Viana,o atual Vice-Prefeito de Buritirama Claudionor Oliveira(CÔI) o Ex-Prefeito de Mansidão Ney Borges, o Ex Vice-Prefeito de Mansidão Iremar Barbosa, Vereadores, Ex-Vereadores, o ex-Presidente da Câmara Marcelo Santos,o Vereador Laan de Santa Rita de Cássia, O Secretário de Governo da Barra Senhor Gustavo Silveira, o amigo Dr.Trajano e milhares de pessoas que choravam no local.
Muitas pessoas puderam expressar os sentimentos através do microfone, porém alguns merecem destaques:
O primeiro a falar foi o Prefeito
Davi Frank, que destacou a importância de Rosa no inicio da Educação de Mansidão.
O Prefeito da Barra Artur Silva, disse que Barra tem ligação forte com Mansidão, e lamentou este fato, uma vez que hoje Barra também chora com a perda desta mulher tão importante no cenário regional.
O ex-prefeito de Buritirama Arival Viana falou que Rosa já deve estar no céu ao lado dos ex-prefeitos já falecidos Lôuro e Zé Lima, falando dos feitos que cada um realizou em Mansidão, e contando a eles, como está o momento político atual. Arival finalizou declarando que o falecimento prematuro de Rosa, é uma perda irreparável para o povo de Mansidão e que a irmã Buritirama, também sente com a sua partida.
A atual Vice-Prefeita Zefona, em meios às lagrimas fez questão de dizer que Rosa era uma flor que desabrochou para o povo, e mesmo naquele momento esta flor não morreu. Falou sobre a sua trajetória e lamentou o acontecido.
A ex Vice-Prefeita Ana Rocha, emocionou todo o salão, quando descreveu algumas coisas que Rosa gostava, e pediu para que todos cantassem junto com ela, a música que Rosa mais amava que é: “Prece ao vento” com Fernando Mendes. Todos cantaram juntos e se emocionaram.
O Professor Solimar ao usar o microfone, agradeceu Rosa por tudo o que fez por sua família, revelando que no momento mais difícil de sua vida, ela foi a pessoa quem o ajudou. Emocionado e chorando, não conseguiu concluir suas palavras.
O Ex Vice-Prefeito Iremar Barbosa, falou que conhece Rosa de longa data, e que ela foi a pessoa quem o colocou na política, e disse que Rosa tinha duas coisas prezava neste meio: Lealdade e Companheirismo.

 
 
A fiel amiga Rita Monteiro, foi a última a falar. Destacou a importância de Rosa para Mansidão, principalmente na área da educação. Revelou que desde a década de 70, Rosa já lutava para que os mansidãoenses pudessem estudar no próprio município, uma vez que ao terminarem a 4ª serie, muitos a repetiam varias vezes, por não terem condições de estudar em Santa Rita ou em Barra, que eram os locais mais próximos de Mansidão.
Relatou que Rosa tinha orgulho do Colégio Remigio Oliveira e em um momento de prova, pediu para que todos que já foram beneficiados pelo Regimio suspendessem a mão; neste momento praticamente todos que ali estavam suspenderam o braço ratificando suas palavras.
Rita Monteiro não conteve às lagrimas, agradeceu a todos os amigos, familiares e autoridades presentes oriundas de várias partes da região, e lembrou o cortejo que saiu ontem do Barreiro, percorrendo os povoados que Rosa tanto amava: São José e Aroeiras, até chegar à sua residência na sede do município, sendo que por todos os lados as pessoas acenavam emocionadas, em um gesto de gratidão.
Rita disse que conhecia bem o projeto de Rosa, e garantiu que dará continuidade para que o seu desejo seja realizado. Aproveitou também para contar alguns detalhes que antecederam ao falecimento e disse que Rosa não morreu, uma vez que estará sempre viva nos corações dos Mansidãoenses.
O filho de Rosa, mais conhecido como “Neto”, até tentou falar, mas não conseguiu, ou seja, a sua mensagem foi dita sem precisar expressar nenhuma palavra.
Em seguida entoaram o Hino Nacional Brasileiro e em seguida o corpo foi para a Igreja Matriz para a Celebração da Missa conduzida pelo Padre Joaquim.
Após a Missa, houve novamente várias homenagens e às 14h: 10min o corpo foi sepultado no cemitério local.
O povo de Mansidão está triste neste dia, pois foi o enterro da Mãe da Educação…a Rosa do Povo.




Reportagem João Néris DRT 4145/BA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS